Preguiça disfarçada de produtividade!

  • 16:12
  • 25 junho 2017
  • Personagem do filme Zootopia.

    Demorei um tempo para entender que me apesar de me achar uma pessoa tão ocupada eu na verdade tenho é perdido tempo!
    Já se sentiu assim?!
    Você pensa, nossa são tantas as coisas que eu gostaria de fazer, se eu tivesse mais tempo aprenderia... Ou, se tivesse mais tempo, agora estaria... Ou se tivesse mais tempo, as coisas seriam...
    Engraçado como no dia a dia nos iludimos e contamos várias histórias para nós mesmos. A gente se ilude que está fazendo tudo o que é possível fazer para ter um dia com mais qualidade, quando na verdade estamos jogando o tempo fora. De quem é a culpa? De nós mesmos!
    Administramos mal nosso tempo. Um recurso inestimável, indo pelo ralo e ficamos ali chorando o tempo derramado como se não pudéssemos fazer nada a respeito.
    Mas, afinal de contas, quem é que administra o próprio dia?! Quem é que escolhe o que é prioridade fazer no dia de hoje ou não? Sou eu mesma! Então não adianta  passar a responsabilidade para frente!
    O negócio é  olhar no espelho e descobrir o que eu tenho feito com o tempo que tenho recebido!
    Bom, eu tenho olhado a minha própria vida e tenho percebido que gasto meu tempo, ao invés de investi-lo.

    Tempo vagando pela Internet

    Iludo à mim mesma, com pensamentos do tipo: - Ah, só vou dar uma olhadinha rápida no instagram e quando vejo fiquei uma hora vagando pelas fotos e dia das pessoas. Assistindo tudo, enquanto minha vida parece em pausa, na verdade só parece, porque o tempo não parou, continuou seguindo e eu ao invés de viver, resolvi assistir!
    Não me levem a mal, pois acho todas as redes sociais ferramentas importantes e que possibilitam coisas muito boas!
    Não estou mais uma vez passando para frente a minha responsabilidade, muito pelo contrário, estou falando aqui exatamente da minha falta de disciplina e foco que arruína o andamento dos meus projetos e coisas que quero tanto fazer, mas que no dia a dia ficam abandonadas enquanto assisto as pessoas que resolveram focar, desligar tudo e concentrar naquilo que realmente importa.
    A gente tem um dia agitado, muitas vezes estressante e pensa: Ah! Eu mereço chegar em casa e ver uns vídeos no youtube para relaxar, assistir minha série favorita, ver o que aquela pessoa que me inspira fez hoje, buscar referências no pinterest! Tudo isso vai me ajudar a relaxar e me animar para fazer o que depois quero fazer: seja estudar, cozinhar, organizar ou limpar a casa, ler ou qualquer outro projeto pessoal!

    Círculo vicioso

    Mas, daí são tantas coisas para ver, ouvir, ler...o tempo livre acabou, hora de pegar algo rápido para comer e dormir!
    Daí bate aquela frustração porque você não foi capaz de fazer a tarefa que se propôs e enquanto faz as obrigações do dia a dia fica sonhando e ansioso para chegar em casa e finalmente ter tempo de fazer o que realmente quer e daí quando chega em casa, está muito cansado e desanimado, foi um dia desgastante...e você então?! Decidi que merece ver uns vídeos no youtube para relaxar, assistir sua série favorita, ver o que aquela pessoa que te inspira fez hoje, buscar referências no pinterest! E assim o ciclo continua! E a vida passa!
    Ilustração retirada do site Youpix
    Temos a impressão que se não checarmos tudo sempre, vamos perder algo muito importante, quando na verdade, enquanto não abandonamos as telas, perdemos algo que não tem como comprar e nem adquirir mais de forma alguma: tempo.
    Quando acabar, acabou! Sem volta!
    Como achar o equilíbrio então?!
    O que realmente é importante agora?
    O que realmente vai fazer diferença na sua vida se você assistir, ouvir ou ler?!
    O que temos consumido?!
    Claro, que devemos reservar um tempo para entretenimento, esse também deve ter seu espaço em nossa vida! Mas, não ocupar todo o espaço, nos deixando com preguiça de pensar, refletir e viver!
    Nos sentindo cansados e desanimados o tempo todo por não poder viver a vida, enquanto ela está ai, pois, estamos vivos não estamos?!

    O que fazer
    Vivendo em boas condições ou em desafiadoras, a vida está ai e só vamos conseguir caminhar se tivermos em mente para onde queremos ir, fixarmos nossos olhos para lá e formos consistentes no nosso dia a dia fazendo escolhas que nos levem exatamente para onde estamos olhando!
    O que eu quero com o texto de hoje?!
    Compartilhar com você uma dificuldade que eu enfrento todos os dias! A luta diária contra a ansiedade, frustração, preguiça e desânimo.
    Para refletirmos juntos da onde essas coisas estão vindo! Percebermos juntos que não é culpa das circunstâncias da vida e nem de outras pessoas, mas que a responsabilidade é toda nossa!
    E quero deixar aqui para você um texto e um vídeo que tem me ajudado bastante a refletir sobre o assunto e a entender onde posso achar o oposto da preguiça, que não não é o trabalho e ocupação, mas sim a ALEGRIA!

    Você é preguiçoso?!
    A alegria é a solução!


    Um ótimo final de domingo e uma ótima semana!
    Beijos!

    Tecnologia do Blogger.